compartilhar

< Voltar

Sociedade poderá contribuir com recomendações para medicamentos oncológicos

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) abriu consulta pública para atualizar o seu catálogo (rol) de procedimentos. Entre as discussões estão as recomendações de medicamentos oncológicos para alguns tipos de cânceres, incluindo, o de ovário, próstata e pulmão. Um melhor tratamento para esses tipos de cânceres, maior qualidade de vida para os pacientes e sobrevida livre de metástase são causas defendidas pelo Instituto Lado a Lado pela Vida.

A consulta pública nº 81 aberta pela ANS até o dia 21 de novembro vai de encontro ao nosso propósito que é lutar por melhorias para o tratamento oncológico e garantir que a população tenha direito a uma saúde de qualidade.

Por atuar na prevenção, diagnóstico precoce, tratamento e sobreviventes, o Instituto Lado a Lado pela Vida criou a campanha Novembro Azul, a maior campanha para abordar a saúde do homem e o combate ao câncer de próstata, além de alertar o público masculino sobre os cuidados com a saúde e a importância dos exames preventivos. A saúde da mulher também é o nosso foco e por meio da campanha “Mulher por Inteiro” chamamos a atenção para os tumores femininos. Já a campanha Respire Agosto faz um alerta sobre o câncer de pulmão.

Os tratamentos para esses cânceres estão em discussão na Consulta Pública, entenda abaixo a gravidade dessas doenças e porque é tão importante a sua contribuição:

Câncer de ovário – É o segundo tipo de câncer mais comum entre as mulheres, perdendo apenas do câncer de colo de útero. Histórico familiar, fatores genéticos e excesso de peso corporal aumentam o risco dessa doença. A infertilidade também é um fator para esse tipo de câncer. De acordo com dados do INCA (Instituto Nacional do Câncer, mais de 6.600 novos casos acontecerão no ano de 2020.

Câncer de próstata não metastático – O câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, perdendo somente para o câncer de pele não-melanoma. A próstata é uma glândula que só o homem possui e que se localiza abaixo do abdômen. É o responsável pela produção de parte do sêmen.

Esse tipo de câncer é considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de 75% dos casos, no mundo, acontecem a partir dos 65 anos. Cerca de 90% dos casos podem ser curados se detectados precocemente, porém, é uma doença silenciosa que cresce de forma lenta e não chega a dar sinais durante a vida e nem ameaçar a saúde do homem.

O câncer de próstata é considerado um tumor maligno porque pode invadir outras partes do corpo. Esse tipo de invasão é chamado metástase. Já o não metastático é aquele localizado somente na próstata.

Segundo dados do INCA, estima-se que, para cada ano do triênio 2020/2021, sejam diagnosticados, no Brasil, quase 66 mil novos casos de câncer de próstata.Câncer de pulmão não pequenas células – Também conhecido como câncer de pulmão indiferenciado de células não pequenas, é o tipo mais comum entre os cânceres de pulmão. Caracteriza pelo crescimento desordenado das células epiteliais.

Esse tipo de câncer pode pegar desde a traqueia até a periferia do pulmão. Nesse caso, pode ser mais difícil de diagnosticar e tratar.

O câncer de pulmão é o segundo mais comum em homens e mulheres no Brasil. A última estimativa mundial, datada de 2012, apontou a incidência de 1,8 milhão de casos novos, sendo 1,24 milhão em homens e 583 mil em mulheres.

De acordo com dados do INCA, para o ano de 2020 estima-se cerca de 30 mil novos casos de câncer de pulmão, sendo 17.760 em homens e 12.440 em mulheres.Para participar e deixar a sua contribuição:

Acesse o site da ANS: https://bit.ly/ansconsulta1 . Lá você encontra as propostas de medicamentos. Todos os cidadãos, pacientes oncológicos ou não, podem participar.

Ler mais sobre esse tema:

Nossa Agenda

03 a 26 Nov

Saúde do Homem

Exposição 10 anos Novembro Azul no Senado Federal

Local: Senado Federal / Redes Sociais LAL

Horário: A Confirmar